Já que estamos falando de backup em nuvem, falaremos sobre a regra 3-2-1, um conceito de boa prática em backup de dados.

Com o aumento do volume de informações críticas nas empresas, surge a necessidade de proteger esses dados contra eventuais perdas. Mas qual a forma mais segura de prevenção contra perda de dados? A resposta direta é: Backup. Existe hoje no mercado uma grande quantidade de ferramentas e soluções técnicas para realização de backups. Com a consolidação e barateamento do armazenamento em nuvem, tem-se adotado a regra 3-2-1 como sendo uma boa prática de backup.

A Regra 3-2-1 consiste nas seguintes diretrizes:

Três diferentes conjuntos de cópias; traduz-se em redundância.
Dois diferentes formatos; A mesma cópia deve ir para dois conjuntos de mídias diferentes (Ex. Discos externos e unidades de fita); provê métodos diferentes de armazenamento e mais chances de recuperar os dados em caso de falha em um dos backups.
Uma cópia sendo feita fora da empresa. Ao manter uma cópia dos dados fora da empresa (ex. Nuvem) temos assegurado que mesmo que ocorra uma catástrofe (ex. Incêndio), com perda das demais mídias, o backup estará seguro em outro local.

Conclusão:
Independente da boa prática adotada é importante haver um acompanhamento sistemático das rotinas de backup, bem como dos procedimentos de auditoria e revisão, conforme Plano de Recuperação de Desastres da empresa.

Continuem nos enviando dúvidas!
pergunta@hsbs.com.br

#‎HSBS #HSBSResponde ‪#‎Microsoft #Backup321 #Nuvem